Como abrir CNPJ para prestação de serviços?

Como abrir CNPJ para prestação de serviços?

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Como abrir CNPJ para prestação de serviços? Se você pretende empreender no ramo de serviços, mas possui algumas dúvidas, e não sabe exatamente por onde começar, saiba que você está no lugar certo.

Neste conteúdo, a Orru Contabilidade e Gestão vai responder as principais dúvidas sobre o assunto apresentar um passo a passo para abertura da sua empresa.

Dentre outras coisas, você vai conferir se vale a pena abrir esse tipo de empresa, os custos envolvidos, as naturezas jurídicas, os portes e os regimes tributários mais indicados para o seu negócio.

O que faz uma empresa prestadora de serviços?

Uma empresa prestadora de serviços é aquela que se dedica em oferecer a execução de algum tipo de serviço, diferentemente das empresas de comércio, que estão dedicadas à venda de mercadorias.

Existe um leque muito grande de empresas e negócios ligados a prestação de serviços, dentre os quais, podemos destacar:

  • Empresas de consultoria;
  • Agências de marketing;
  • Empresas de limpeza;
  • Empresas de TI;
  • Empresas de transporte e logística;
  • Construtoras;
  • Dentre muitas outras.

Em resumo, o objetivo principal de uma empresa prestadora de serviços é fornecer mão de obra qualificada para a realização de determinadas tarefas.

Vale a pena abrir uma empresa para prestação de serviços?

A viabilidade de abrir uma empresa prestação de serviços depende de uma série de fatores, dentre os quais, podemos destacar:

  • Demanda de mercado: Avalie se existe uma demanda suficiente para os serviços que você planeja oferecer. Pesquise o mercado local e identifique se há espaço para a sua empresa e se os consumidores estão dispostos a pagar pelo que você oferece.
  • Concorrência: Analise a concorrência no nicho de serviços que você está considerando investir. Verifique como outras empresas estão operando, quais serviços estão oferecendo e como você pode se diferenciar para atrair clientes.
  • Habilidades e experiência: Considere suas próprias habilidades e experiência na área de serviços que pretende oferecer. Quanto mais conhecimento e experiência você tiver, maior será a probabilidade de sucesso.
  • Custos e finanças: Avalie os custos iniciais de abrir e manter a empresa, incluindo custos com equipamentos, pessoal, marketing, entre outros. Certifique-se de que seus preços de venda possam cobrir esses custos e ainda gerar lucro.

Por fim, vale destacar que antes de tomar a decisão de abrir CNPJ para prestação de serviços, é muito importante realizar uma análise cuidadosa do mercado e elaborar um plano de negócios detalhado.

Portes, naturezas jurídicas e regimes tributários para empresas de prestação de serviços

Antes de abrir CNPJ para prestação de serviços, existem alguns conceitos importantes que você precisa conhecer, dentre eles, o de porte, natureza jurídica e regime tributário.

Porte de empresa

Quanto ao porte, as empresas em geral, incluindo prestadoras de serviços, podem ser classificadas em uma das seguintes categorias:

  • Microempresa (ME): Negócios com faturamento anual de até R$ 360 mil;
  • Empresa de Pequeno Porte (EPP): Negócios com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões;
  • Demais Portes (Médio e Grande): Negócios com faturamento anual acima de R$ 4,8 milhões.

Natureza jurídica

Por sua vez, quanto a natureza jurídica, ou seja, o tipo de CNPJ, é possível abrir uma empresa com ou sem sócios.

Natureza jurídica para abrir empresa sem sócios:

  • EI – Empresário Individual;
  • SLU – Sociedade Limitada Unipessoal;
  • SUA – Sociedade Unipessoal de Advocacia.

Natureza jurídica para abrir empresa com sócios:

  • LTDA – Sociedade Empresária Limitada;
  • S/A – Sociedade Anônima;
  • S/S – Sociedade Simples;
  • Sociedade de Advogados.

Regime tributário

Por fim, quanto ao regime tributário, é possível optar por uma das seguintes opções:

  • Simples Nacional: Regime tributário que pode ser utilizado por micro e pequenas empresas, ou seja, negócios com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.
  • Lucro Presumido: Regime tributário que pode ser utilizado por empresas com faturamento anual de até R$ 78 milhões.
  • Lucro Real: Regime tributário obrigatório para empresas com faturamento anual acima de R$ 78 milhões e opcional para negócios de menor porte.

Não se preocupe com a variedade de alternativas, um dos nossos compromissos aqui na Orru Contabilidade e Gestão, é indicar as melhores opções para os seus objetivos de negócio.

Custos para abrir um CNPJ para prestação de serviços

Os custos para abrir CNPJ para prestação de serviços, podem ser resumidos em apenas três itens. Confira!

  • Taxa de registro na Junta Comercial: Taxa cobrada pela Junta Comercial do estado onde a empresa será registrada. O valor exato varia de acordo com o estado e com a natureza jurídica da empresa que será constituída.
  • Certificado digital: Custo com a aquisição de um certificado digital para assinar documentos de forma eletrônica e trocar informações com o fisco.
  • Honorários da contabilidade: Valor cobrado pelo escritório de contabilidade que ficará responsável por conduzir os trâmites de abertura da empresa.

Para obter um orçamento detalhado para abertura de um CNPJ para prestação de serviços na sua cidade, entre em contato conosco!

Como abrir CNPJ para prestação de serviços [Passo a Passo]

Abrir CNPJ para prestação de serviços pode ser muito mais fácil do que você imagina. Confira as orientações no passo a passo abaixo e tire suas dúvidas.

1.Contrate um escritório de contabilidade: A primeira coisa que você precisa fazer é contratar um escritório de contabilidade, preferencialmente que seja especializado no segmento de prestação de serviços.

2.Separe alguns documentos: Logo em seguida, você vai receber as orientações do contador e vai precisar separar alguns documentos básicos, incluindo:

  • RG e CPF;
  • Comprovante de residência atualizado;
  • IPTU ou Inscrição Imobiliária do local escolhido para registrar a empresa.

3.Aguarde a abertura do seu CNPJ: Por fim, será preciso aguardar alguns dias, enquanto o escritório de contabilidade providencia a documentação necessária para que a sua empresa seja reconhecida e autorizada a entrar em funcionamento.

  • Registro na Junta Comercial;
  • Emissão do CNPJ pela Receita Federal;
  • Emissão da Inscrição Municipal;
  • Liberação do Alvará de Funcionamento pela Prefeitura.

Deseja saber mais e abrir CNPJ para prestação de serviços com o apoio do nosso time de contadores? Se a sua resposta foi “Sim”, clique no botão do WhatsApp e entre em contato conosco!

Como uma contabilidade digital, atendemos empresas de diferentes partes do país!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Valuation: como saber o valor real do seu negócio?

Valuation: como saber o valor real do seu negócio?

Em um mercado cada vez mais dinâmico e competitivo, fazer o valuation do seu negócio não é apenas uma necessidade estratégica, mas uma ferramenta vital para a sobrevivência e crescimento da empresa. O processo de valuation, ou avaliação de empresas,

Médico pessoa física ou jurídica: qual a melhor opção?

Médico pessoa física ou jurídica: qual a melhor opção?

Médico pessoa física ou jurídica, qual a melhor opção? Essa é uma dúvida muito comum entre profissionais que estão cogitando a possibilidade de abrir um CNPJ. Sabendo disso, o time da Orru Contabilidade, sua assessoria contábil especializada em profissionais da

Como abrir CNPJ para prestação de serviços?

Como abrir CNPJ para prestação de serviços?

Como abrir CNPJ para prestação de serviços? Se você pretende empreender no ramo de serviços, mas possui algumas dúvidas, e não sabe exatamente por onde começar, saiba que você está no lugar certo. Neste conteúdo, a Orru Contabilidade e Gestão

Back To Top